Música da Semana – Homenagem [Michael Jackson – They Don’t Care About Us]

Esta semana perdemos o “Rei do Pop”, mas todo mundo já deve ter visto todo e qualquer tipo de reportagem a respeito. Por isso nós, do clubdosvagalz não postaremos nada disso, apenas prestaremos nossa homenagem em forma de Música da semana. Na verdade, o clipe da semana.

O clipe da música They don’t care about us foi  gravado no Pelourinho, em Salvador, e no Morro Santa Martan no Rio de Janeiro e tem como tradução do título “Eles não ligam pra gente”.

Confiram aí, é muito bom!

Linkin Park no Brasil em Dezembro?

Foi publicado na Folha Online, no último dia 22 pela colunista Mônica Bergamo o seguinte:

A produtora Time For Fun reservou datas em dezembro, no estádio do Morumbi, em São Paulo, para shows da banda norte-americana Linkin Park. “

Felipe, do site lpinside.com entrou em contato com Mônica para saber mais detalhes que afirmou:

A Time For Fun garantiu à coluna que tem datas reservadas para o show do Linkin Park em dezembro no Morumbi. Claro que sempre pode acontecer algum imprevisto, haver alguma alteração nas datas, mas a princípio está confirmado sim.”

Durante a semana rolaram alguns boatos de que tudo foi uma farsa, e Mônica escreveu  ao site lpinside.com

“A empresa nos garante que o show está confirmado, sim. Eles apenas não querem começar a divulgação antes de terem a data exata e o valor dos ingressos.”

Resta agora aos fãs e simpatizantes da banda aguardarem mais notícias.

Falando em Linkin Park, a banda lançou sua nova música como trilha principal do filme Transformers 2 (que estrou no Brasil na última quarta-feira, 24/06) que chama-se New Divide.

O primeiro filme Transformers também teve a banda cantando sua trilha principal com a música What I’ve Done do último CD Minutes to Midnight.

Confiram aí o clipe da música New Divide de Tranformers 2.

A solução para todos os problemas!

(Música da semana)

Hugh Laurie (ator que interpreta o Dr. House) – All We Gotta Do

Trailer .Apenas o Fim. (APROVADO POR NÓS)

Apenas o Fim é um filme brasileiro feito por jovens universitários da PUC-Rio com baixíssimo orçamento. Na história, uma garota bonita e descolada (Erika Mader) resolve abandonar seu namorado nerd Tom (Gregório Duvivier) e fugir para um lugar desconhecido. Antes de partir, ela decide encontrá-lo, mas eles têm apenas uma hora para fazer um balanço bem

Acesse o site oficial do filme

Acesse o site oficial do filme

humorado de suas vidas.

O filme recebeu diversos prêmios etc.

Festival do Rio 2008
Melhor filme do Júri Popular & Menção Honrosa do Júri Oficial
32ª Mostra Internacional de São Paulo
Melhor filme do Júri Popular
Selecionado para os Festivais
Festival Internacional de Rotterdam (IFFR)
Festival Internacional de Miami (Competição Ibero-Americana)
Festival Off Câmera, em Krakow, Polônia
Festival de Cinema Brasileiro em Paris, França
Premiere Brazil, no MoMA, Nova Iorque

Aprovado pelos vagalz: Estive presente na estréia, no dia 12 (dia dos namorados) na sala de cinema 10, do Espaço Unibanco do Shopping Bourbon da Pompéia, na sessão das 15h20. O filme é muito bom e  divertido. É praticamento em tempo real, contendo no filme, a conversa entre os dois antes da partida da garota, e ainda cenas avulsas de outras conversas. Tem as clássicas características de um filme brasileiro, porém, jamais vi algum filme igual feito por aqui. Aprovamos e aconselhamos todos a assistirem. Clique aqui e saiba onde ver o filme !

Música da semana

Depois de muito tempo sem postar nada

resolvi parar um pouco de não fazer  nada e postar a música da semana.

Para essa semana eu resolvi postar uma música eletrônica que se chama :

Black is Black to decks.

Blog do Ônibus

O Patrimônio de Justiça do Patrimônio Público e Social de São Paulo criou o Blog do Ônibus com o objetivo de coletar informações sobre o transporte coletivo de ônibus da cidade.

Neste canal os usuários de ônibus poderão reclamar, dar sugestões e o que achar de interessante para melhorar os ônibus de São Paulo, pois sabemos que é um meio de transporte precário e com inúmeras deficiências. Vamos aproveitar para reclamarmos e também combrarmos melhorias nos ônibus de São Paulo.

Um pouco de rap

Muitas pessoas ficam com o pé atrás quando ouvem falar de rap ou a própria música e pensam que só falam de arma, crimes e palavrões. Sim, há raps só com isso sim, mas uma boa parte dos grupos vão além disso com letras com forte crítica social e política. Atualmente, ao meu ver é o único estilo de música que continua a falar dos problemas do país e principalmente da periferia.

O pessoal mais velho sempre reclama que não existe mais músicas de protesto, como do Chico Buarque e companhia, mas esses cantores continuam a gravar músicas, mas deixaram as críticas de lado, afinal, teoricamente, vivemos num país livre e sem censura.

Conheci uma banda de rap na faculdade chamada Ao Cubo. Quando ouvi pela primeira vez, me disseram que não era gospel não, mas falava de Deus. Sendo apadrinhada pelo Templo Soul e com diversas parcerias com cantores, acho que não tenho dúvida de que é gospel.

Deixando de lado essa discussão, as letras de Ao Cubo são emocionantes e que leva as pessoas à reflexão. Por isso, deixo o vídeo da primeira música que ouvi, Mil Desculpas.

%d blogueiros gostam disto: